Profissões Área Automóvel

  1. Eletricista de Automóveis
    O que Faz?
     
    O/A Eletricista de Automóveis é o/a profissional que executa de modo autónomo, o diagnóstico e a reparação dos sistemas elétricos e eletrónicos de veículos automóveis, interpretando e analisando esquemas elétricos, manuseando aparelhos de medida, diagnosticando, reparando e verificando sistemas de ignição/injeção electrónica de gasolina e injeção Diesel, sistemas de carga, de arranque, de segurança, de conforto, de comunicação e de informação, organizando e controlando a qualidade do trabalho.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Eletricista de Automóveis Ligeiros deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.
     
    Principais atividades:
     
    – Ler, interpretar e analisar esquemas elétricos de sistemas elétricos de automóveis e manusear aparelhos de medida.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de ignição/injeção eletrónica de gasolina e injeção Diesel.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de carga e arranque.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de iluminação e aviso.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de segurança ativa, de segurança passiva e de conforto e segurança.
    – Diagnosticar, reparar, verificar e instalar sistemas de informação e comunicação.
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho.
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho, efetuando a conservação e a limpeza dos equipamentos, aparelhos e ferramenta utilizados.
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida.
     
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.
     
    Como aprender a profissão?
     
    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos ou de Educação e Formação de Jovens. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.
  2. Inspetor de Centros de Inspeção Técnica de Veículos
    O que Faz?
     
    O/A Inspetor/a de veículos realiza inspeções periódicas a veículos ligeiros, inspeções periódicas a pesados e reboques com peso bruto superior a 3500 kg, inspeções extraordinárias e para atribuição de matrículas a automóveis ligeiros, inspeções extraordinárias a para atribuição de matrícula a automóveis pesados e reboques com peso bruto superior a 3500 kg.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Inspetor/a de Veículos  deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor das inspeções técnicas a veículos.
     
    Principais atividades:
     
    – Inspeções periódicas a veículos ligeiros.

    – Inspeções periódicas a pesados e reboques com peso bruto superior a 3500 kg.
    – Inspeções extraordinárias e para atribuição de matrículas a automóveis ligeiros.
    – Inspeções extraordinárias a para atribuição de matrícula a automóveis pesados e reboques com peso bruto superior a 3500 kg.
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho.
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho, efetuando a conservação e a limpeza dos equipamentos, aparelhos e ferramenta utilizados.
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida.
     
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.
     
    Como aprender a profissão?
     
    A atividade profissional de Inspecções Técnicas a Veículos está regulamentada no Decreto-Lei nº 258/2003, podendo ser exercida pelos titulares das Licenças de Inspetor emitidas pelo IMT – Instituto da Mobilidade e dos Transportes
     
    Pode frequentar um curso para obtenção da licença de inspector no CEPRA. Para mais informação consulte o menu Formação.
  3. Mecânico/a de Automóveis Ligeiros
    O que Faz?
     
    O/A Mecânico/a de Automóveis Ligeiros é o/a Profissional que executa de modo autónomo, o diagnóstico e a reparação dos sistemas mecânicos de veículos automóveis ligeiros, diagnosticando, reparando e verificando motores a gasolina e Diesel, sistemas de ignição, de alimentação, de sobrealimentação, de arrefecimentos, de lubrificação, de transmissão, de direção, de suspensão, de travagem, de segurança ativa, de carga e arranque, rodas e pneus, organizando e controlando a qualidade do trabalho.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Mecânico/a de Automóveis Ligeiros deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.
     
    Principais atividades:
     
    – Proceder à manutenção programada de veículos de acordo com a respetiva documentação técnica.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de direção, suspensão, travagem, segurança ativa, rodas e pneus.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de transmissão manual e automática.
    – Diagnosticar, reparar e verificar motores a gasolina e Diesel.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de arrefecimento e lubrificação.
    – Diagnosticar e verificar sistemas de carga e arranque.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de ignição, alimentação, sobrealimentação e antipoluição.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas mecânicos de climatização.
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho.
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho efetuando a conservação e a limpeza de equipamentos, aparelhos e ferramentas utilizados.
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida.
     
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.
     
    Como aprender a profissão?
     
    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos ou de Educação e Formação de Jovens. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.
  4. Pintor/a de Veículos
    O que Faz?
     
    O/A Pintor/a de Veículos é o/a profissional que executa de modo autónomo, a pintura de partes ou da totalidade da carroçaria, procedendo ao tratamento anticorrosivo, insonorizando e verificando a estanqueidade, escolhendo a sequência de pintura adequada, preparando, afinando e aplicando tinta, organizando e controlando a qualidade do trabalho.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Pintor/a de Veículos deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.
     
    Principais atividades:
     
    – Proteger a carroçaria contra a corrosão, insonorizar e verificar a estanqueidade do veículo.
    – Escolher sequências de pintura, preparar e aplicar tintas.
    – Executar pinturas gerais da carroçaria, procedendo à desmontagem e montagem de componentes.
    – Reparar e pintar componentes em plástico.
    – Formular e afinar cores e executar retoques de pintura.
    – Aplicar e pintar elementos decorativos.
    – Detetar e eliminar defeitos de pintura e preparar a viatura para entrega.
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho.
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho, efetuando a limpeza e lavagem dos equipamentos, aparelhos e ferramentas utilizadas.
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida.
      
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.
     
    Como aprender a profissão?
     
    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos ou de Educação e Formação de Jovens. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.
  5. Reparador/a de Carroçarias de Automóveis Ligeiros
    O que Faz?
     
    O/A Reparador/a de Carroçarias de Automóveis Ligeiros é o/a profissional que executa de modo autónomo, a reparação total ou parcial da carroçaria, montando e desmontando componentes e acessórios da carroçaria, reparando peças e componentes da carroçaria, alinhando a estrutura da carroçaria, procedendo ao tratamento anticorrosivo, insonorizando e verificando a estanqueidade, orçamentando a reparação, organizando e controlando a qualidade do trabalho.
     
    Que competências deve ter?

    O/A Reparador/a de Carroçarias de Automóveis deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.

    Principais atividades:

    – Montar e desmontar os componentes e acessórios de carroçaria, bem como proceder à afinação dos mesmos.

    – Reparar e substituir elementos de carroçaria.
    – Selecionar e executar os métodos adequados para a reparação da carroçaria ou parte da mesma.
    – Efetuar a reparação e alinhamento estrutural da carroçaria utilizando equipamento de desempeno e sistemas de medição de cotas de carroçaria.
    – Efetuar ligações fixas, nomeadamente soldadura de peças e/ou componentes de carroçaria.
    – Efetuar o restauro de carroçarias.
    – Reparar vidros e plásticos.
    – Efetuar a inspeção, controlo e acabamentos em reparação de carroçarias.
    – Proteger a carroçaria contra a corrosão, insonorizar e verificar a estanqueidade do veículo.

    Deverá ainda ser capaz de:

    – Cumprir objectivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.

    Como aprender a profissão?

    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos ou de Educação e Formação de Jovens. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.

  6. Reparador/a de Motociclos
    O que Faz?
     
    O/A Reparador/a de Motociclos é o/a profissional que executa de modo autónomo, o diagnóstico e a reparação dos sistemas mecânicos, elétricos e eletrónicos de motociclos, verificando diagnosticando e reparando motores a gasolina 2 e 4 tempos, sistemas de direção, de suspensão, de travagem, de transmissão, de ignição, de alimentação, de arrefecimento, de lubrificação, de carga e de arranque, rodas e pneus, organizando e controlando a qualidade do trabalho.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Reparador/a de Motociclos deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.
     
    Principais atividades:

    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de direção, suspensão, travagem, rodas e pneus.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de transmissão manual e automática.
    – Diagnosticar, reparar e verificar motores a gasolina de 2 e 4 tempos.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de arrefecimento e lubrificação.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de carga e arranque.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de iluminação e aviso.
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de ignição e alimentação.
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho.
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho efetuando a conservação e a limpeza de equipamentos, aparelhos e ferramentas utilizados.
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida.
     
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.
     
    Como aprender a profissão?
     
    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos ou de Educação e Formação de Jovens. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.
  7. Técnico de Reparação e Pintura de Carroçarias
  8. Técnico/a de Aprovisionamento e Venda de Peças
    O que Faz?
     
    O/a Técnico/a de Aprovisionamento e Venda de Peças é o/a profissional que executa de modo autónomo, operações de planeamento, organização, acompanhamento, aprovisionamento e realização da venda, relacionando-se com os clientes, processando e analisando as garantias de peças empregues na reparação, maximizando o volume de vendas de peças e acessórios, promovendo a satisfação do cliente. 
     
    Que competências deve ter?

    O/a Técnico/a de Aprovisionamento e Venda de Peças deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.

    Principais atividades:

    – Identificar componentes e peças dos veículos automóveis e outros materiais necessários à manutenção / reparação de viaturas.

    – Atender os clientes, apresentando produtos, informando-os das condições comerciais, encaminhando-os.
    – Realizar a venda de componentes e peças de veículos automóveis e outros materiais necessários à manutenção / reparação de viaturas e executar as
      respetivas operações administrativas.
    – Negociar as condições de venda.
    – Tratar reclamações.
    – Determinar se o problema detetado na peças está a coberto da garantia e processar pedidos de garantia, dirigindo e controlando os respetivos processos.
    – Receber e identificar o pedido de peças, avaliando e decidindo sobre o pedido de crédito, encomenda, faturação e entrega de peças e elaborando
      relatórios de informação e gestão.
    – Detetar necessidades de stocks para a secção de peças.
    – Colaborar na análise de mercado, definindo objetivos, estratégias, políticas e procedimentos para o departamento de peças.
    – Preparar ações de promoção com base nos objetivos comerciais.
    – Controlar os resultados da sua atividade comercial face aos objetivos.
    Deverá ainda ser capaz de:

    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.

    Como aprender a profissão?

    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos, Educação e Formação de Jovens ou de Aprendizagem. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.

  9. Técnico/a de Mecatrónica Automóvel

    O que Faz?

    O/a Técnico/a de Mecatrónica Automóvel é o/a profissional que executa de modo autónomo, o diagnóstico e a reparação de sistemas mecânicos, elétricos e eletrónicos de veículos automóveis, interpretando e analisando esquemas elétricos, manuseando aparelhos de medida, diagnosticando, reparando e verificando motores a gasolina e Diesel, sistemas de ignição, de alimentação, de sobrealimentação, de arrefecimento, de lubrificação, de transmissão, de direção, de suspensão, de travagem, de carga, de arranque, de segurança, de conforto, de comunicação e de informação, organizando e controlando a qualidade do trabalho.

    Que competências deve ter?

    O/a Técnico/a de Mecatrónica Automóvel deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Sector Automóvel

    Principais atividades:

    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de direção, suspensão, travagem e rodas
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de transmissão manual e automática
    – Diagnosticar, reparar e verificar motores a gasolina e Diesel
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de arrefecimento e lubrificação
    – Ler, interpretar e analisar esquemas elétricos e manusear aparelhos de medida
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de carga e arranque
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de segurança ativa, de segurança passiva e de conforto e segurança
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de comunicação e informação
    – Diagnosticar, reparar e verificar sistemas de ignição, alimentação e sobrealimentação
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho
    – Proceder à manutenção da sua área de trabalho efectuando a conservação e a limpeza dos equipamentos, aparelhos e ferramentas utilizados
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida  

    Deverá ainda ser capaz de:

    – Cumprir objectivos e prazos, aumentando a produtividade
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades
    – Saber relacionar-se e comunicar
    – Investir na formação contínua

    Como aprender a profissão?

    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos, Educação e Formação de Jovens ou de Aprendizagem. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.

  10. Técnico/a de Receção/Orçamentação de Oficina
    O que Faz?
     
    O/a Técnico/a de Receção/Orçamentação de Oficina é o profissional que executa de modo autónomo, atividades de diagnóstico de avarias de sistemas do automóvel, procedendo ao acolhimento, atendimento, marcação, diagnóstico de avarias e orçamentação das reparações, informando, encaminhando e controlando a qualidade, e procedendo à entrega dos veículos automóveis.
     
    Que competências deve ter?
     
    O/A Técnico/a de Receção/Orçamentação de Oficina deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.

    Principais atividades:

    – Atender a acolher o cliente, propondo ajuda, recebendo a viatura, recolhendo informação sobre a tipologia de intervenção/reparação a efetuar e, após

      análise da disponibilidade do serviço, combinando com clientes datas de intervenção.
    – Verificar in loco, os sintomas da avaria evidenciados pelo cliente, diagnosticar a constituição do automóvel rececionado, através da análise aos
      componentes dos seus sistemas mecânicos, elétricos/eletrónicos e da carroçaria.
    – Orçamentar o custo total da intervenção a efetuar (manutenção, reparação ou colisão), informando o cliente e obtendo a autorização para a realização do
      serviço.
    – Informar o cliente da tipologia de reparação a efetuar e encaminhar para os serviços internos da oficina/concessão, a reparação/intervenção a efetuar.
    – Acompanhar o desenvolvimento da reparação, verificando o cumprimento dos prazos e das reparações preconizadas e acordadas com o cliente.
    – Proceder à entrega da viatura e explicar a fatura ao cliente, efetuando quando necessário, a experimentação da viatura, e confirmar a execução das
      operações descritas na ordem de reparação.
    – Proceder ao planeamento de marketing e controlar a satisfação do cliente face ao serviço prestado.
    – Aplicar técnicas de venda de serviços.
     
    Deverá ainda ser capaz de:
     
    – Cumprir objetivos e prazos, aumentando a produtividade.
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho.
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor.
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades.
    – Saber relacionar-se e comunicar.
    – Investir na formação contínua.

    Como aprender a profissão?

    Pode frequentar um curso para obter esta profissão nas modalidades de Educação e Formação de Adultos, Educação e Formação de Jovens ou de Aprendizagem. Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.

  11. Técnico/a Especialista em Mecatrónica Automóvel, Planeamento e Controlo de Processos

    O que Faz?

    O/a Técnico/a Especialista em Mecatrónica Automóvel, Planeamento e Processos, é o/a profissional que procede ao planeamento e controlo de processos de manutenção e reparação automóvel em oficinas, supervisionando os trabalhos de deteção e reparação de avarias nos sistemas mecânicos, elétricos e eletrónicos de veículos automóveis, tendo em vista a maximização da produtividade da oficina de manutenção e reparação automóvel, no respeito pelas normas de segurança ambiental e de higiene e saúde no trabalho, organizando e controlando a qualidade do trabalho.

    Que competências deve ter?

    O/a Técnico/a Especialista em Mecatrónica Automóvel, Planeamento e Processos, deve ter profundos conhecimentos técnicos (teóricos e práticos) que lhe permitam desempenhar corretamente a sua função, bem como ter capacidade de relacionamento com os clientes, fornecedores e outros profissionais do Setor Automóvel.

    Principais atividades:

    – Planear e gerir o trabalho oficinal
    – Supervisionar os trabalhos de manutenção, deteção e reparação de avarias em veículos automóveis
    – Acompanhar e controlar a qualidade dos trabalhos efetuados na oficina, tendo em vista a otimização dos resultados
    – Supervisionar o serviço de comercialização dos serviços / produtos da oficina, promovendo a satisfação total dos clientes
    – Controlar a qualidade e organizar o trabalho
    – Elaborar relatórios e preencher documentação técnica relativa à atividade desenvolvida

    Deverá ainda ser capaz de:

    – Cumprir objectivos e prazos, aumentando a produtividade
    – Cumprir as normas e os procedimentos de qualidade, higiene e segurança no trabalho
    – Adaptar-se à evolução dos sistemas e dos procedimentos do setor
    – Coordenar o seu trabalho com as outras especialidades
    – Saber relacionar-se e comunicar
    – Investir na formação contínua

    Como aprender a profissão?

    Pode frequentar um curso para obter esta profissão na modalidade de Cursos de Especialização Tecnológica (CET). Para mais informação consulte os menus Modalidades de Formação e Cursos.